Publicidade Cabeça

Wesley de Jesus critica manobra política na Câmara



Foto: Facebook/Reprodução

O vereador Wesley de Jesus (PEN), criticou veementemente a manobra política capitaneada pelo também vereador José Guedes (DEM), seu desafeto político, naquilo que acabou por reeleger o político do democratas para a presidência da Câmara dos Vereadores.

Em vídeo publicado no Facebook, Wesley que deu entrevista para a Rede Globo de Televisão, afirmou que "José Geraldo Guedes não poderia ser candidato à reeleição na Câmara". De fato o regimento afirma que o vereador poderá cumprir apenas um mandato na casa legislativa.

Contudo, o parlamentar Alessandro Bonifácio, o "Coxinha" (PRTB), acabou renunciando à presidência - ele havia sido eleito no último domingo -, o que abriu espaço para a recandidatura de José Guedes, que veio a ser eleito por seis votos. Ao criticar a manobra, Wesley lembrou que o país clama por "moralidade" e que ele ficou indignado com o que viu.

"Eu como vereador dessa casa, eleito pelo povo, estou indignado. O país clama por moralidade, o país clama por pessoas que realmente venham para fazer algo diferente, o país clama. Chega! As pessoas não aguentam mais políticos e politicagem", esbravejou ele na sala que antecede o plenário da Câmara.

Para o jovem parlamentar, "o que essa casa (a Câmara) praticou nesta terça-feira foi um pouco daquela velha política e que não pode continuar e permanecer no nosso país."

Wesley também anunciou que os vereadores contrários à eleição de Guedes vão recorrer ao judiciário.

Nenhum comentário

Sempre Nova Lima - 2016. Tecnologia do Blogger.