Publicidade Cabeça

Com artistas, mais de 40 mil pedem saída de Temer em BH



Foto: Franscisny Alves/WebRepórter

Manifestantes lotam o centro de Belo Horizonte nesta sexta-feira, dia 16, pedindo a saída do presidente Michel Temer (PMDB) e a convocação de eleições direitas para um mandato "tampão" até as eleições de 2018.


A concentração se iniciou nesta tarde na Praça Afonso Arinos e seguiu em direção à Praça da Estação, passando pela Avenida Afonso Pena. Segundo a Polícia Militar, são pelo menos 40 mil pessoas no ato.

Vários deputados federais e caciques de partidos estão no local. Há previsão de shows na Praça da Estação, como Aline Calixto, Fernanda Takai e Flávio Renegado.

Temer que é acusado de corrupção passiva, obstrução à justiça e prevaricação, poderá ser denunciado pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot. Ele recebeu na residência oficial o empresário Joesley Batista, que vem sendo investigado por corrupção.

Os dois conversaram sobre questões sensíveis e Temer não denunciou Joesley. Além disso, o empresário contou que pagava um valor para manter calado Eduardo Cunha (PMDB), ex-presidente da Câmara dos Deputados e preso. Apesar da denúncia, o Congresso Nacional necessita aprovar uma investigação contra o presidente para que o inquérito tenha início.

Temer ainda teria andado num avião da JBS, uma das maiores empresas de proteína animal do mundo. O fato é dado como tráfico de influências e teria acontecido em 2011.

Nenhum comentário

Sempre Nova Lima - 2016. Tecnologia do Blogger.