Publicidade Cabeça

Sindicato dos Médicos delibera paralisação de profissionais em Nova Lima




Médicos servidores públicos de Nova Lima deliberaram no último dia 14 a paralisação de seus serviços toda terça-feira, quando a Câmara de Vereadores apreciará o projeto de lei que trata da Reforma Administrativa enviada por Vitor Penido (DEM) para apreciação dos vereadores.


O circular do Sindicato dos Médicos de Minas Gerais (Sindmed-MG) foi divulgado nesta terça-feira, dia 20. Com isso, a primeira paralisação está programada para o dia 27 de junho, próxima terça, quando o plenário da casa legislativa voltará a apreciar o projeto.

Segundo o Sindmed, "os médicos se queixam da falta de transparência e diálogo com o que projeto vem sendo conduzido, sob a alegação de falta de recursos para pagar os servidores".

Ainda segundo o Sindmed, a categoria está "com salários atrasados e reivindica que os pagamentos sejam feitos no quinto dia útil do mês conforme acontecia anteriormente". Depois da reunião desta semana, é possível que o prefeito consiga aprovar a reforma.

O vereador Álvaro Azevedo (PSDB) propôs emendas ao PL mas foi derrotados por vereadores aliados de Penido (Leia Aqui).

O Sindmed deliberou que a paralisação se iniciará às 7h e só termina às 19h. Além disso, pessoas com demanda espontânea de urgência e emergência serão atendidas, mediante Protocolo de Classificação de Risco de Manchester.

Atualização: O Sindmed confirmou ao Sempre Nova Lima a paralisação das atividades, conforme relatado acima, de 7h às 19h toda terça-feira.

Nenhum comentário

Sempre Nova Lima - 2016. Tecnologia do Blogger.