Publicidade Cabeça

Sindicato e Prefeitura discutem cortes de dias paralisados





O Sindicato dos Servidores Públicos informou que entrou em negociação com a Prefeitura de Nova Lima, por meio da Secretaria Municipal de Administração, para que o prefeito não cortasse o dia daqueles servidores que ficaram paralisados em função do protesto contra a Reforma Administrativa.

A prefeitura informou ao sindicato, segundo informações, que o servidor que não concordar com os dias cortados poderão abrir processo administrativo questionando os cortes e que os processo terão prazo de tramitação de 90 dias.

O Sindserp disse que não concordou com o posicionamento e disse que possui decisões judiciais sobre a ilegalidade dos cortes. Com isso será marcada uma nova reunião com o secretário de Administração, Jean Seabra, para discutir o assunto.

Os servidores paralisaram durante as terças-feiras onde estava marcados protestos contra a Reforma Administrativa em discussão na Câmara dos Vereadores.

Cabe informar que a Secretaria de Educação já se acertou com o sindicato e não irá cortar os dias dos servidores lotados nesta pasta.

Nenhum comentário

Sempre Nova Lima - 2016. Tecnologia do Blogger.