Publicidade Cabeça

Administração Vitor anuncia construção de anexo em prédio da Prefeitura



Foto: Reprodução/Facebook Oficial da Prefeitura de Nova Lima

A administração Vitor Penido anunciou a construção de um anexo, no Prédio da Prefeitura, na Praça Bernardino de Lima, como uma das obras que são uma agenda positiva para o prefeito depois da aprovação da Reforma Administrativa e também do aumento do IPTU, medidas que chacoalharam a sua popularidade.


  • Promoção Relâmpago CVC (Porto Seguro/La Torre Resort): Pacote 8 dias incluindo passagem aérea + Transporte Aeroporto/Hotel/Aeroporto com parcelas de 12x de R$247,00 quarto triplo e 12x de R$268,00 quarto duplo - Ligue Já: 3547-5126 ou 3541-6290

A publicação foi feita pela Secretaria de Comunicação através do Facebook oficial da Prefeitura de Nova Lima. A ideia é que o anexo abrigue secretarias e com isso a cidade poupe com aluguéis.


Mas, não para por aí: a Prefeitura ainda anunciou a revitalização do Centro Ideal, também no intuito de abrigar pastas do governo. A revitalização da Praça Bernardino de Lima também está no rol de obras para 2018, além de uma alça de contorno em Macacos e de uma terceira pista na MG-030.


A PMNL ainda não explicou de forma minuciosa todas as intervenções que fará, mas propaga que serão pelo menos 40 obras para estruturar a cidade.


Trânsito


O problema de aumentar o número de secretarias ofertando serviços públicos na região central já está no dia a dia do nova-limense: o trânsito carregado. O atual prédio da administração municipal já abriga serviços essenciais à população e também aos empresários que investem em Nova Lima.


Secretaria de Fazenda, Gabinete do Prefeito e do Vice-prefeito, Planejamento e Gestão, que cuida da área de Expansão Urbana e Fiscalização de Obras, por exemplo, além da Secretaria de Administração. A Fazenda, por sua vez, é responsável por vários serviços, como a expedição de alvarás de funcionamento.


Até por isso, o Sempre conversou com Juliana Sales, especialista que milita em questões de mobilidade urbana sobre possíveis impactos para o trânsito. Este tema foi abordado pelo portal (Leia Aqui).


Leia a entrevista concedida por Juliana:


1) Juliana, agradecemos a sua prontidão para falar com o Sempre Nova Lima e a população da cidade. Você já tem ciência do anexo que a PMNL vai construir no atual prédio da Prefeitura. Isso quer dizer que mais secretarias estarão ofertando seus serviços no local e consequentemente aumentando a demanda de carros naquela região, já atormentada pelo trânsito e pelo crescimento da cidade. Qual sua opinião sobre o quesito mobilidade urbana e trânsito nesta situação?


R: As vias e calçadas exíguas do centro de Nova Lima já não comportam o atual adensamento urbano. A área alem de possuir edificações de uso residencial e comercial, ainda sedia o centro cívico do município, com a Câmara Municipal, o Fórum e a Prefeitura Municipal. 


Gestões passadas, cientes do trânsito caótico da região, adotaram o uso do rotativo nas principais vias. Todavia isso já não é suficiente para amenizar o trânsito caótico que vivenciamos diariamente. Propor uma construção de grande impacto como o anexo da Prefeitura Municipal, sem alternativas de transporte público, de acessos e estacionamento na região central é uma decisão que me preocupa muito.


Além de tudo, é preciso dialogar. Sabemos que o "modus operandi" do atual prefeito é ultrapassado e ele não é muito aberto ao diálogo. Porém, é preciso  que o poder público dialogue com os principais envolvidos e afetados com essa proposta: população nova-limense, Associação Comercial e servidores públicos. Para saber se essa será a melhor alternativa.


Do ponto de vista urbano eu digo que não é.


2) Existe algum procedimento que a Prefeitura deve adotar para construir este anexo? Você havia citado o EIV - Estudo de Impacto de Vizinhança em uma conversa informal, você poderia explicar melhor esta questão?


R: O EIV é um estudo detalhado que analisa os impactos que uma edificação vai gerar à vizinhança do entorno, à vida urbana do entorno. Impactos ambiental, socioeconômico, entre outros.


3) O Sempre Nova Lima já abordou uma matéria sobre o trânsito que atordoa a cidade na Rua Santa Cruz. A ideia muito difundida na cidade não era descentralizar os serviços públicos, tanto é que o Fórum está para sair da Praça Bernardino de Lima?


R: Não sou contrária à ideia de centralizar o serviço público prestado na sede do município. Mas pra isso é preciso se pensar no deslocamento do cidadão e do servidor até o edifício, no impacto gerado na região e se essa região comporta uma edificação dessas. Precisamos acabar com essa cultura de que governar é construir edifícios e estradas. Governar é planejar uma cidade que seja sustentável, é pensar em um projeto de cidade a curto, médio e longo prazo. E gastar o dinheiro público com responsabilidade.


Se após estudos for constatado que a melhor proposta é centralizar o serviço público, é preciso encontrar um local que seja mais adequado para comportar uma edificação com essas proporções e uso.


O outro lado


O Sempre Nova Lima falou com a assessoria de imprensa da Prefeitura de Nova Lima sobre as externalidades da construção de um anexo no local. A PMNL emitiu a seguinte nota:

"A Prefeitura esclarece que a construção do anexo à Sede da Administração Municipal é uma das medidas em andamento que possibilitará a centralização dos serviços públicos e vai gerar economia aos cofres do município, minimizando custos com logística e alugueis. Em relação aos impactos no trânsito no entorno do prédio, a Administração Municipal salienta que há uma empresa especializada em mobilidade urbana, reconhecida em nível nacional, prestando consultoria, acompanhando o projeto e propondo soluções para minimizar eventuais impactos gerados pelas futuras intervenções. O projeto de circulação viária já está sendo elaborado. Serão realizadas mudanças no trânsito para aperfeiçoar o fluxo na região Central da cidade, o que vai trazer melhorias consideráveis aos pedestres e aos motoristas", disse via contato por email.

Um comentário :

  1. Gostaria que o Sempre entrevistasse alguém que milite na área da Juliana Sales e que não tenha ligação com a oposição (leia-se PT). Seu pai, Wilson Sales "Tim", sempre foi ligado ao governo petista e a Carlinhos Rodrigues. Fica registrada minha sugestão.

    ResponderExcluir

Sempre Nova Lima - 2016. Tecnologia do Blogger.