Publicidade Cabeça

Fernando Pimentel continua o favorito em Nova Lima, segundo enquete



Foto: Reprodução/Bhaz - Pimentel e o deputado federal Miguel Correa.


O atual governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel (PT), é o mais citado em enquete do Sempre Nova Lima. Segundo dos dados, o petista aparece com 22% das intenções de voto na cidade nova-limense.

Logo atrás vem Márcio Lacerda (PSB) com 9,8% dos votos e Diniz Pinheiro (Solidariedade) com 7,3%. O pré-candidato Antônio Anastasia (PSDB), que confirmou ontem que será candidato do grupo tucano no estado, aparece com 4,9% das menções no formulário.

Apesar de estar na frente, Pimentel que é ex-prefeito de Belo Horizonte já esteve com 29,7% em dezembro de 2017. Mas não só Fernando perdeu campo, porque Lacerda aparecia com 11% e Anastasia 6,6%. 

O único a ganhar campo em Nova Lima foi Diniz, ex-presidente da Assembléia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), já que em dezembro ele aparecia com 1,1%. Pinheiro é apoiado por Silvânio Aguiar, vereador do Solidariedade na cidade. Ele visitou Nova Lima e isso pode ter influenciado os números.

A enquete do Sempre Nova Lima não tem características estatísticas, já que não é bem distribuída pela população nova-limense. Uma pesquisa estatística precisa buscar respostas proporcionais de homens, mulheres, idade, gênero, religião, renda e localização. 


Contudo, as respostas conseguem perseguir uma tendência do termômetro social e são base de enquetes feitas pelo Sempre há anos.

Aprovação do governador não é a das melhores

Pimentel é mesmo o mais citado, porém, seu governo também derreteu nos últimos meses, principalmente com a insatisfação dos servidores públicos. Atualmente, 46,3% das respostas avaliam a gestão como "Péssima". Em dezembro este número era 35,2%.

Já a avaliação "Regular" é agora 28% e anteriormente era de 26,4%. A avaliação de "Ótimo ou Bom" é agora 17,1% e em dezembro estava no patamar de 34,1%. Pelo menos 8,5% continuam respondendo "Não Saber Responder".

Indecisão e rejeição à políticos sobem

Já aqueles que disseram não saber em quem votar situou-se em 11% e em dezembro 16,5%. Já a proporção daqueles que disseram não votar em nenhum dos nomes apresentados ficou em 45,1% e era 35,2%.

Nenhum comentário

Sempre Nova Lima - 2016. Tecnologia do Blogger.