Publicidade Cabeça

Partidos de oposição já se articulam para pedir o impeachment de Vitor



Foto: Reprodução/Facebook

Os partidos de oposição já se articulam para pedir o impeachment do prefeito Vitor Penido de Barros (DEM). É o que garante uma fonte ouvida pelo Sempre Nova Lima na noite desta última quarta-feira, dia 14 de março. 

Contudo, eles admitem que há dificuldades no ato já que o presidente da Câmara dos Vereadores, José Geraldo Guedes (DEM), é amigo pessoal de Penido, seu aliado político e são do mesmo partido. Porém, Guedes e Vitor já andaram brigados no início do mandato do democrata. Essa animosidade foi até fruto de entrevista exclusiva do prefeito para o Sempre. (Leia)

Vitor foi condenado em terceiro grau (no Superior Tribunal de Justiça) depois que a relatora decidiu que o mesmo não reúne as condicionantes para pedir recurso da sua condenação de segundo grau (no Tribunal de Justiça de Minas Gerais). (Leia)

Com a condenação o STJ determinou que Penido fique inelegível por três anos. Sem condições de elegibilidade e políticas, Vitor não poderia comandar Nova Lima. Inclusive, o prefeito perdeu seus votos como deputado federal em 2014, quando não foi eleito, depois que o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) cassou seu Registro de Candidatura. Ele conseguiu retomar os votos no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

A fonte disse ao Sempre que vão usar os incisos terceiro e quinto do artigo 4º da lei 1.079 de 1950. O artigo diz que são crimes de responsabilidade o atentado contra "o exercício dos direitos políticos, individuais e sociais" e "a probidade na administração".

O prefeito, por sua vez, emitiu nota para o Sempre e afirmou "que não houve qualquer ilegalidade na licitação em questão e que vai recorrer da decisão. A decisão não altera a atual situação do governo".

Nenhum comentário

Sempre Nova Lima - 2016. Tecnologia do Blogger.