Publicidade Cabeça

Penido emite nota sobre condenação: 'não houve ilegalidade'



Imagem: Youtube PMNL




O prefeito Vitor Penido emitiu nota depois que foi condenado em terceira instância, ou seja, no Superior Tribunal de Justiça (STJ), por improbidade administrativa. (Leia Aqui)

A condenação coloca Penido inelegível por três anos. Partidos de oposição se reuniram nesta tarde de quarta-feira, dia 14, para discutir o que fazer e para discutir o afastamento do democrata da sua cadeira de prefeito.

Vitor, no entanto, afirmou que a condenação não altera a "situação do governo" e que não houve "ilegalidades" na licitação:

"Sobre a decisão do Superior Tribunal de Justiça desta terça-feira (13/03), o prefeito Vitor Penido afirma que não houve qualquer ilegalidade na licitação em questão e que vai recorrer da decisão. A decisão não altera a atual situação do governo", se limitou a dizer em nota.

O prefeito pode até questionar a condenação no Supremo Tribunal Federal (STF), mas a sentença tem que ser cumprida desde a publicação do acórdão. 

Em caso de afastamento, João Marcelo Dieguez (PSDB), atual vice-prefeito, assume o comando de Nova Lima.

Nenhum comentário

Sempre Nova Lima - 2016. Tecnologia do Blogger.