Publicidade Cabeça

PT registra Lula no Tribunal Superior Eleitoral como candidato, em Brasília


Foto: TSE


O Partido dos Trabalhadores registrou a candidatura de Luis Inácio Lula da Silva (PT) como candidato à Presidência da República e Fernando Haddad (PT), ex-prefeito de São Paulo, como vice-presidente.

O evento contou com centenas de pessoas e uma ação política do partido em frente ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), onde o registro do ex-presidente foi feito. A presidente do PT, Gleisi Hoffman, que é senadora pelo Paraná, a deputada estadual Manuela D'Ávila (PCdoB), a ex-presidente Dilma Rousseff (PT), candidata ao Senado Federal por Minas Gerais e simpatizantes, estiveram em Brasília.

Lula está preso em Curitiba depois de ser condenado em primeira e segunda instâncias acusado de ocultação de patrimônio e vantagem indevida. O petista nega que tenha cometido tais crimes. A defesa de Lula tentou algumas vezes pedir sua liberdade à Justiça, mas não conseguiu.

O Tribunal Superior Eleitoral recebeu, inclusive, o primeiro pedido de impugnação do Registro de Candidatura do petista. A tese é que Lula deve ser impugnado já que cai na Lei da Ficha Limpa. Contudo, alguns juristas discordam já que o seu julgamento ainda não teve um fim.

Até o momento o Brasil tem 13 candidatos à Presidência. Nesta quarta, além de Lula, o ex-ministro da Fazenda Henrique Meirelles (MDB), João Goulart Filho (PPL) e Eymael (DC), também registraram suas candidaturas.

Nenhum comentário

Sempre Nova Lima - 2016. Tecnologia do Blogger.