Publicidade Cabeça

Vereador em Nova Lima já propôs lei para garantir repelente à grávidas contra o zika




  • Todas as informações constantes neste anúncio são de responsabilidade do anunciante

Estamos próximos a voltar ao período de chuva, algo que deve acontecer entre o final de outubro e o início de novembro. E um projeto de lei, criado pelo vereador Silvânio Aguiar (Solidariedade), buscou garantir a entrega de repelentes para grávidas a fim de se prevenir contra o vírus zika, transmitido pelo mosquito Aedes Aegypt.


O vírus causa microcefalia no feto, que nasce com sérias complicações fisiológicas. A doença acometeu milhares de pessoas no Brasil entre 2015 e 2016. Na lei, Silvânio propôs que a PMNL fornecesse, gratuitamente, às gestantes que fizessem seu pré-natal nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) em Nova Lima.

O país não está livre do problema. Todos se lembram que no início do ano a cidade conviveu com um surto de Febre Amarela, que acabou matando várias pessoas. Quando o período de chuva se iniciar, o mosquito volta a procurar criadouros, formados em poças de água que podem ficar em vasos de planta, por exemplo, para procriar.

A lei de número 25, foi promulgada pela Câmara Municipal de Nova Lima em janeiro de 2016 e já está em vigor.


Nenhum comentário

Sempre Nova Lima - 2016. Tecnologia do Blogger.